domingo, 17 de janeiro de 2010

Como foi o primeiro HQ em Pauta

Cerca de 150 pessoas passaram pela Biblioteca Viriato Côrrea, Vila Mariana, ao longo do último sábado (16) para acompanhar parte ou toda programação do evento que reuniu profissionais e leitores de quadrinhos.

Tendo como tema principal a adaptação de conteúdos históricos e literários, esta primeira edição do HQ em Pauta começou com a exibição da animação baseada na HQ Dom João Carioca, do cartunista Spacca, e um documentário mostrando o making of do livro e do desenho animado.


Abrindo a programação de palestras e debates, o editor Franco de Rosa fez um apanhado de como os quadrinhos e a literatura “conversam” desde o século XIX. Mostrou exemplos antigos e recentes e respondeu perguntas da plateia.

Em seguida, Spacca e o jornalista Paulo Ramos, mediados pelo editor deste blog, discorreram sobre as adaptações históricas e literárias como identidade da HQ nacional. Com participação da platéia, abordaram temas como o uso dos quadrinhos na educação, o preconceito que este tipo de leitura ainda enfrenta dentro e fora das salas de aula e os aspectos positivos e negativos de programas de incentivo como o PNBE, entre outros.

O roteirista Edson Rossatto e os desenhistas Laudo Ferreira Jr. e Omar Viñole ocuparam o auditório logo depois para um bate-papo descontraído sobre o processo de criação do livro História do Brasil em Quadrinhos – Proclamação.

Paralelamente a toda programação, a Biblioteca Viriato Corrêa abrigou a exposição de cartazes sobre os bastidores desta HQ. A exposição ficará aberta até o dia 28 de fevereiro. A entrada é gratuita.

Após a programação no auditório, Edson, Laudo, Omar, Spacca e Paulo Ramos atenderam os leitores e autografaram suas respectivas obras.


O evento contou com a cobertura jornalística do programa HQ Além dos Balões, do site Impulso HQ e da rede de TV Globonews.

Em sua primeira edição, o HQ em Pauta mostrou-se mais uma boa opção para os amantes da nona arte se reunirem, trocarem ideias e participarem de discussões que envolvem os quadrinhos. Uma nova edição está programada para o meio do ano.

4 comentários:

Helder. disse...

Eu estive lá, mas tive que sair após a "mesa redonda" acabar.

Foi um belo evento, não esperava ver tantas pessoas, ou mesmo ver a GloboNews por lá. Tomara que tenham outros.

Parabens Jota.

Abraço.


PS: Rapaz, você é igual o Tarantino! hauaha

Jota Silvestre disse...

Hahaha... vc não é o primeiro que diz isso (do Tarantino)!

Bom que tenha gostado. Já temos planos para a próxima edição. Aguarde!

Abs!

quem conversa com bichos disse...

Parabéns pela iniciativa e pela realização, os quadrinhos nacionais precisam muito, urgentemente, ser mais discutidos !!

Jota Silvestre disse...

Essa é a ideia! Já estamos bolando a segunda edição para o meio do ano. Vem coisa boa aí.

Abs!