quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

2011: O que vem por aí pela Gal Editora

Outra jovem editora que vem oferecendo uma alternativa de qualidade para os leitores de quadrinhos é a Gal, coordenada pelo editor Maurício Muniz.

Entre outras novidades, a Gal trouxe para o Brasil uma das melhores HQs de 2010 na opinião do Papo de Quadrinho: O que aconteceu ao homem mais rápido do mundo.

Os títulos confirmados para 2011 prometem manter o mesmo alto nível. Em fevereiro chega às livrarias e lojas especializadas Combate Inglório, trabalho que envolve nomes consagrados dos quadrinhos - Archie Goodwin, Alex Toth, Wally Wood, Joe Orlando e Gene Colan entre eles.

Lançada originalmente como revista regular nos anos 60, no auge da Guerra do Vietnã, Blazing Combat reunia contos que evidenciavam o absurdo dos conflitos armados ao longo da História; por isso, foi criticada, perseguida e cancelada após quatro edições.

A versão que a Gal traz para o Brasil é o encadernado lançado pela Fantagraphics nos Estados Unidos em 2009 e tem, como extras, as biografias dos autores, entrevistas e galeria de capas de Frank Frazetta. Uma destas capas será utilizada na edição brasileira, cujo preview o leitor do Papo de Quadrinho pode conferir na imagem acima, em primeira mão.

Em abril chega a aguardada conclusão de Fracasso de Público, de Alex Robinson, que promete mortes, separações, casamentos, traições e respostas para os dilemas de um grupo de amigos novaiorquinos.

Nação Fora-da-Lei: Sangue entre irmãos é o lançamento programado para junho. Título do selo adulto da DC, Vertigo, a HQ de Jamie Delano, Goran Sudzuka e Goran Parlov conta a história do imortal Story Johnson, que após décadas de amnésia precisa enfrentar não só as modernidades do mundo atual, como também o desaparecimento de sua linhagem e um assassino psicopata disposto a tudo para matá-lo.

A Gal garante que está negociando mais quatro títulos para 2011 com as editoras Fantagraphics, Accent UK e outras independentes, inclusive brasileiras.

4 comentários:

Mister Quadrinhos disse...

Não sou fã deste tipo de publicação gostaria que alguma editora publicasse material da Dynamite ou da Moonstone.

Um grande abraço.

Jota Silvestre disse...

Fala, Caio. Estou ansioso para ler Combate Inglório, inclusive pelo time estelar de artistas.

Mas concordo, também gostaria de ver mais coisas da Dynamite, Moonstone e Dark Horse por aqui.

Abs

Editores disse...

Caio,

Sou eu quem ajudo a Gal a escolher os títulos que trará ao Brasil. Mande suas sugestões pra gal.editora@gmail.com.

Abraço,

Maurício Muniz

Tarsis Salvatore disse...

Mau, publique ECHO. ;)